quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Tracejando

Condenada à intensidade.
Sentindo cada palavra, extremamente.
Temperando os dias, ora com lágrimas, ora com sorrisos.
Amando o amor e o amado com força irrevogável.
Traçando caminhos com os velhos e doces sonhos de outrora.

4 comentários:

Only Myself disse...

"Condenada a intensidade" eu sou, não sei se é o seu caso, mas eu sinto tudo tão intensamente que as coisas não ficam fáceis!!
Seguindo aqui!
Beijinhos
http://viverdefantaisa.blogspot.com/

Luna Sanchez disse...

Cada um de nós lutando com as armas que tem, dando o melhor na esperança de receber em troca o melhor da vida também.

Assim que é.

Muito bom, Vanessa!

Um beijo.

Fernanda. disse...

Também sou igual, e o contrário junto. Não me intendo e sofro com isso. Gostaria poder apenas amar tudo intensamente, mas ao mesmo tempo que amo, me esforço a não amar sem eu querer.

Daiana Fernandes disse...

E os sonho me impulsionam.

bjs

Postar um comentário

Obrigada por expressar aqui sua opinião e seu sentimento:)

Siga o blog por e-mail