terça-feira, 17 de março de 2009

Nem um dia


"Um dia frio
Um bom lugar para ler um livro
E o pensamento lá em você
Eu sem você não vivo
Um dia triste
Toda fragilidade incide
E o pensamento lá em você
E tudo me divide
...
E tudo nascerá mais belo
O verde faz do azul com o amarelo
O elo com todas as cores
Pra enfeitar amores gris"

Nem Um Dia - Djavan

*
Essa chuva que cai emitindo um barulhinho tão bom, esse friozinho gostoso, esse ventinho que beija os cabelos, esse sentimento que me envolve desde o momento que abri meus olhos nesta manhã... Tudo tão inspirador! Tudo o que preciso é de um bom lugar para ler um livro e de um silêncio que me permita decolar, ter miragens e delirar.

A fase sentimentalista ao extremo insiste em permanecer neste blog!

Que os conflitos internos de todos nós sejam amenizados pela vontade de ser feliz. Que a esperança ressurja a cada dia, em forma de doses homeopáticas. Que aqueles que têm a honra de serem amados por nós percebam isso e valorizem. Que não nos esqueçamos de cuidar de nossos jardins. Que a vontade de sumir seja menor que a vontade de fazer valer à pena. Que sejamos para o resto de nossas vidas seres inquietos e conflitantes. Que as contradições sejam eternas. Que mudemos, para que o mundo mude.


¡Que tengan un buen día!

2 comentários:

En El Palacio De La Risa Y El Dolor disse...

muy lindo ;9 y si, hoy si q hace frio

o lado B do lado B disse...

Com certeza td sempre mudará, nós mudaremos, o mundo mudará... somos tds uma metamorfose, somos camaleões,porém somos tambem ao memso tempo seres q praticam o mimetismo na vida, e isso é mt importante, essa capacidade de se adequar aos mais diversos e incomuns espaços e situaçoes...
Felicidade sempre!!! grande beijo

Postar um comentário

Obrigada por expressar aqui sua opinião e seu sentimento:)

Siga o blog por e-mail