sábado, 1 de agosto de 2009

Aos "insípidos"

E vão se admirar
Os que a virem passar
Acompanhada novamente de quem só a faz desviar (!)
É isso que estão a pensar?
Os olhos parecem desaprovar.

Ensina a refletir, a viver.
E ela quer se espelhar
Encontrou uma referência.
A troca legitima.
Cúmplices, elas não irão se abandonar.

E o mundo quer logo interpretar.
Amizade de verdade.
"Carga de inteligência e emoção que cruza os caminhos"
"Va, as pessoas não entendem"
E para quê explicar?

*

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada por expressar aqui sua opinião e seu sentimento:)

Siga o blog por e-mail