segunda-feira, 24 de agosto de 2009

LEVEmente

Eram diversas as sensações.
Estava crente em si mesma.
Sorria sem motivos claros que justificassem.
Cantarolava qualquer coisa pelos cantos.
As palavras que lia naquele instante,
Tocavam profundamente .
Ela tinha uma essência sensível.
Cada coisa tinha um encanto diferente.
Sentia um êxtase,
Uma razão de ser.
Liberdade era pouco para descrever o que sentia.
Podia voar.
Tinha plena convicção disso.
E o que possuía bastava.
Era pretensiosa,
Mas estava em um estado de espírito,
Que nem imaginava um dia chegar.
Por hora nada mais era necessário.
Flutuava sem sair do lugar.

1 comentários:

o lado B do lado B disse...

Os velhos gostos já não eram mais os mesmos...
Os sentimentos eram outros...
A forma de usar as palavras também havia mudado.
Já não era mais garota...
Seu semblante era de mulher.
Era a nova Vanessa.

Postar um comentário

Obrigada por expressar aqui sua opinião e seu sentimento:)

Siga o blog por e-mail